Line separator

Acerca do
AGORA RISK

Projeto & Missão.

O projecto AGORARISK visa promover o diálogo entre investigadores/as, cidadãos/ãs, técnicos/as e decisores/as sobre matérias ambientais em Estarreja. Mais precisamente, pretende compreender as condições de possibilidade de diálogo e trabalho conjunto entre diferentes mundos e conhecimentos, a fim de experimentar e coproduzir ferramentas eficazes para reduzir o fosso existente entre conhecimento técnicocientífico e conhecimento dos cidadãos/ãs.

A região de Estarreja tem sido objeto de estudos científicos em áreas diversas. Várias equipas de investigação nacionais e internacionais encontram-se a estudar os problemas de contaminação em Estarreja. Porém, apesar de existirem resultados, ainda é difícil a integração do conhecimento e a comunicação pública é pouco estimulada. Situações de debate com a população envolvendo cientistas, técnicos/as ou agentes estatais são raras.

O nosso projeto pretende facilitar a aproximação dos diferentes atores locais que vivem em áreas contaminadas, criando, de forma experimental, condições para diálogo sobre incertezas e riscos relacionados com questões ambientais e saúde. O envolvimento das populações é uma dimensão necessária, mas sensível e complexo. O projeto propõe, assim, uma abordagem participativa experimental, encorajando os/as cientistas a trabalhar com atores locais (instituições, técnicos, cidadãs/ãos), convidando atores locais a descobrir novas perspetivas da investigação.

As nossas iniciativas.

As nossas iniciativas são planeadas com diversas entidades locais em Estarreja que são nossos parceiros. Este projeto começa com uma ideia inclusiva do ambiente descrito e definido pelos habitantes locais, jovens e idosos

 
 

Oficina de diálogo: Viver Estarreja!

Diálogo e interação com alunas/os sobre transformações e vivências socioambientais de Estarreja e produção de um painel de sistematização

 

Parceiros.

Parceiros científicos.

O projeto está sediado no ISEG na Universidade de Lisboa e envolve várias áreas disciplinares com o objetivo de proporcionar o cruzamento de conhecimentos e saberes em temas como a água, os solos, a contaminação e as transformações ambientais e sociais em Estarreja. Os parceiros nacionais são a Universidade de Lisboa através do Instituto Superior de Economia e Gestão e do Instituto Superior Técnico e a Universidade de Coimbra pelo Centro de Estudos Sociais de Coimbra. O parceiro internacional é o Instituto francês INRAE (National Research Institute for Agriculture, Food and Environment).